quarta-feira, 14 de abril de 2010

Devaneios de uma mente apaixonada

Vivo em um mundo "incerto e 'inerrado'"
Pela frente vêm coisas que eu não vejo

De costas, de frente, de lado
No buraco da agulha, na ponta do percevejo

Estou preso, estou trancado
Só tenho certeza do meu desejo

Estou vendido, arrebatado
Só me lembro do teu beijo





Não sei o que fazer, não sei o que pensar
vou me derreter, vou me congelar
vou correr, vou parar
vou obter, e vou largar
vou perder, e vou ganhar
vou te ver, e vou tentar
outra vez te ter, outra vez te amar


Ao som de:
Rainbow - Death Alley Driver
My Chemical Romance - I Don't Love You
Panic! at the Disco - New Perspective

Nenhum comentário:

Postar um comentário